Postado por Carolina Filisberto em Músicas, Resenha, Teatro, UF News

Espetáculo une canções populares a uma narrativa sobre o amor

Logo ao abrir das cortinas é possível ver um piano de calda, uma banda de jazz, e um grande quadro emoldurado que se posiciona ao centro do palco. Graças a um grande papel manteiga que o cobre, apenas a silhueta de dois amigos idosos é mostrada. Eles dão início então a uma conversa sobre os muitos anos vividos em busca de um grande amor.

Essa é abertura do musical French Kiss. Que em meio as memórias vivas da amada amante Renata Von Ricci, narra a história de uma cantora de cabaret que corre o mundo a fim de apresentar durante todas as noites o mesmo show. O principal motivo? A esperança de reencontrar o homem que marcou a sua vida. “Para mim o espetáculo é isso. Ele fala sobre esse tema de uma maneira divertida, às vezes tocante, mas o seu objetivo é esse. Falar sobre o amor e como gera-lo”, explica a atriz.
Junto a um repertório repleto de canções marcantes, o público em um momento é contemplado por “Tatuagem” de Chico Buarque e, logo em seguida, por uma inusitada versão de “Is This Love” de Bob Marley. “A ideia surgiu após um convite para a criação de um show com músicas completamente em francês. Foi então que tive a inspiração: e se ele tivesse versões, nessa língua, de músicas que são importantes para a minha história com um tom de cabaret?”. A partir dessa ideia nasceu a essência da peça, que se constrói por uma linguagem artística única e marcante.

“Eu sei que ele virá. Eu sei que ele virá”. São com essas falas que a personagem que leva o mesmo nome da atriz se reafirma continuamente durante a trama, a fim de manter viva a esperança de que o seu amor reaparecerá. Toda esta narrativa aflora as memórias emotivas de todo o público, que certamente, em algum momento da peça se vê nos olhos da cantora desolada.
French Kiss segue em apresentações itinerantes por todo o país. Para saber sobre as próximas sessões, basta se ligar nas redes sociais da UF, que te atualiza sempre sobre tudo o que acontece no universo dos musicais.

Colaboração: Diogo Perez